Como a radiação gama transformou o Hulk

COCEIRINHA: Aquela pulga atrás da orelha… Você conhece o “Incrível Hulk”, aquele herói super forte, super resistente, muito mal humorado e incrivelmente verde? Então, a origem do herói conta que ele foi atingido por radiação gama e essa radiação o transformou naquele querido monstro que amamos. Será que seria possível, na vida real, ocorrer uma transformação tão radical?

Primeiramente, o que é radiação gama? Os também chamados raios gama são, nada mais, nada menos que radiação eletromagnética de alta frequência, que tem alto poder de penetração na matéria e nos tecidos, por isso é muito nocivo a nossa saúde. Essa radiação afeta muito a molécula de DNA e é muito utilizada nas radioterapias para a destruição de células cancerígenas. 

De acordo com um Blog Ciência Nerd, da Universidade de Campinas, em São Paulo, um mecanismo que as células possuem é a reparação do DNA alterado, causando inúmeras mutações consequentes. Essas mutações poderiam ser a explicação para como o nosso querido Bruce Banner se tornou o incrível Hulk. Mas é bom ressaltar que obviamente, quando uma pessoa na vida real é atingida muito bruscamente, as células morrem, e os danos são extremamente graves e irreversíveis. 

Mas essas mutações ainda não explicam como Bruce se transforma em Hulk, e como Hulk se transforma em Bruce, pois isso exigiria uma recombinação de todos os genes dele, uma reprogramação em cada transformação, e isso também exigiria uma explicação dentro da área da epigenética, algo bem mais complexo. 

Já a cor verde do personagem, teria uma “explicação” no grande trauma que o físico de Banner sofre, ocasionando a morte de várias células sanguíneas e causando aquela coloração que vemos quando temos um hematoma pelo corpo, uma coloração mais esverdeada, causada por uma molécula chamada Biliverdina, essa também é responsável pela coloração esverdeada do sangue de alguns répteis.

Então, apesar de ser impossível um Hulk da vida real, temos pequenas explicações biológicas, que fazem sentido. Além de que usar personagens da cultura Geek, deixam os assuntos muito mais interessantes!

E, aí, tem alguma dúvida? Alguma curiosidade sobre esse verdão que amamos? Comenta aí. E não esqueça de deixar a curtida, hein!

.

.

#prismaespaçogeek #prisma #pmpf #cultura #tecnologia #educação


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *